Brasil ultrapassa Estados Unidos e será líder mundial na produção offshore de petróleo em 2025

No dia 13 de agosto, uma das maiores empresas no ramo de inteligência energética, a GlobalData, anunciou que grandes projetos offshore de petróleo irão surgir para o Brasil, no decorrer dos próximos anos (2021 – 2025). De acordo com as previsões, espera-se que o país venha, em conjunto com a Petrobras, contribuir com, aproximadamente, 23% da produção global. Sendo que esse percentual corresponde a cerca de 1,3 milhões de barris por dia (mmbd). Entretanto, os projetos ainda estão sendo planejados e anunciados.

“Espera-se que um total de 29 projetos de petróleo bruto comecem a operar no país durante 2021-2025. Destes, Bacalhau, Búzios V (Franco) e campo Tupi são alguns dos principais projetos que deverão contribuir coletivamente com cerca de 44% da produção de petróleo e condensado do país em 2025 “, revelou a GlobalData. Já para a Analista Sênior de Petróleo e Gás da GD, Effuah Alleyne, mesmo possuindo países amplamente fortes na listagem, o Brasil tem grandes chances de ser o melhor no futuro, graças a Petrobras.

Com uma ampla vantagem, o Brasil assume o topo dos resultados acerca da produção, deixando para trás concorrentes como: Estados Unidos, Noruega, China e Nigéria. Em relação a produção, espera-se que até 2025, os EUA consigam perfazer um total de 655 mbd petróleo bruto. O que representaria cerca de 11% da produção total offshore de petróleo e condensado no ano estimado.

Fonte
CPG
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
Fechar