Refinaria de Mataripe teve aumento de 36% na produção de diesel em agosto

A Acelen, empesa responsável pela refinaria de Mataripe, na Bahia, somou 400 milhões de litros em agosto. A informação foi divulgada na última nesta sexta-feira (16).

A produção indica aumento de 36% na comparação anual em meio a um programa da modernização da unidade privatizada no ano passado.

Em agosto de 2021, a soma de diesel S10 (com menor teor de enxofre e o mais usado no país) e S500 (diesel comum) totalizou 294 milhões de litros, segundo dados da agência reguladora ANP.

Na época, a refinaria ainda estava sob gestão da Petrobras (PETR4), que em dezembro transferiu o ativo para a empresa do fundo Mubadala após transação de 1,8 bilhão de dólares.

Considerando-se só o S10, a produção do mês passado foi de cerca de 255 milhões de litros, segundo a Acelen, volume 65,6% superior à produção de agosto de 2021.

Outro destaque da refinaria foi a produção e comercialização de asfalto, que totalizou 20 mil toneladas, representando um crescimento de 87% em relação à média de 2021.

A companhia atribui os resultados ao programa de modernização operacional em vigor desde abril, que prevê investimentos totais de R$ 1,1 bilhão.

“As melhorias operacionais que temos feito nas unidades da refinaria nos dão plena condição de aumentar a produção do nosso portfólio”, disse o vice-presidente de Comercial e Trading da Acelen, Cristiano da Costa, em nota.

“A proximidade com os clientes também tem viabilizado respostas rápidas ao mercado, com melhores resultados para a empresa, com recorrentes recordes alcançados e acesso a novos mercados.”.

Bahia tem Diesel entre os mais caros do país

Sede da primeira refinaria privatizada, a Bahia figura entre os estados com o diesel e o Diesel S10 mais caros do país, atrás apenas de estados da Região Norte.

De acordo com a última pesquisa da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), divulgada na última sexta-feira, o valor médio dos dois produtos na Bahia é de R$ 7,03 e R$ 7,11 respectivamente.

O Acre é o estado com este tipo de combustível mais caro. R$ 8,25 e R$ 8,26. Roraima, Pará e Rondônia aparecem nas colocações seguintes, com preços entre R$ 7,23 e R$ 7,31. Com Diesel S10 a R$ 7,19, o Mato Grosso também figura entre os locais com maior valor do produto.

Fonte
AgênciaSertão
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
Fechar