Petrobras está em negociação com Ultrapar para venda da refinaria Refap

A Petrobras informou que abriu a fase de negociação com a Ultrapar Participações, para venda da Refinaria Alberto Pasqualini (Refap), no Rio Grande do Sul.

Em nota ao mercado, a companhia fez uma atualização sobre o processo de desinvestimentos no refino.

A estatal esclareceu que recebeu proposta vinculante para a venda da Refap e que está em fase de negociação com a Ultrapar.

Sobre a alienação da Refinaria Presidente Getúlio Vargas (Repar), no Paraná, a petroleira informou que está na fase de análise das propostas vinculantes recebidas.

A Petrobras também comunicou que está aguardando as ofertas finais de todos os participantes no processo de desinvestimentos da Refinaria Landulpho Alves (RLAM), na Bahia, com base nas versões dos contratos negociadas com o Mubadala.

Além desses três ativos, a Petrobras já recebeu propostas vinculantes também pela Refinaria Isaac Sabbá (Reman), no Amazonas; a Lubrificantes e Derivados de Petróleo do Nordeste (Lubnor), no Ceará; e a Unidade de Industrialização do Xisto (SIX), no Paraná. A companhia esclareceu que está em fase de negociação para a alienação das unidades.

Sobre a negociação da Refinaria Abreu e Lima (Rnest), em Pernambuco, e da Refinaria Gabriel Passos (Regap), em Minas Gerais, a estatal espera receber as propostas vinculantes peos ativos no primeiro trimestre deste ano.

A Petrobras assumiu compromisso com o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) para venda de oito de suas 13 refinarias, o equivalente à metade da capacidade instalada, até o fim de 2021.

Fonte
BiodieselBR
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
Fechar