Produção nacional de petróleo cai 1,2% em outubro, diz ANP

A produção nacional de petróleo caiu 1,2% em outubro, ante setembro, informou a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). Segundo o órgão regulador, foram produzidos, em média, no país, 2,874 milhões de barris diários no mês retrasado, o que representa uma queda de 3% frente a outubro de 2019.

Já a produção de gás natural totalizou 130 milhões de metros cúbicos diários (m3/dia), um crescimento de 3,8% ante setembro, mas uma redução de 1,2% na comparação com outubro de 2019. O aproveitamento de gás foi de 97,7%. A queima totalizou 3,1 milhões de m3/dia – queda de 13% frente ao mês anterior e de 13,8% na comparação anual.

Somados o petróleo e o gás natural, a produção do Brasil totalizou 3,692 milhões de barris diários de óleo equivalente (BOE/dia) em outubro, patamar praticamente estável em relação ao mês anterior. Na comparação anual, houve uma queda de 2,6%.

O pré-sal respondeu por 68,7% da produção nacional. Ao todo, foram produzidos na região, em média, em outubro, 2,535 milhões de BOE/dia, sendo 2,013 milhões de barris/dia de petróleo e 82,986 milhões de m3/dia de gás natural.

Tupi (ex-Lula), no pré-sal da Bacia de Santos, segue como o maior produtor de petróleo e gás natural do Brasil, com uma produção de 882 mil barris/dia de petróleo e de 38,7 milhões de m3/dia de gás natural.

Fonte
Valor Investe
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
Fechar