Parlamentares vão pressionar governo para que redução do biodiesel seja discutida no Congresso

Integrantes da Frente Parlamentar Mista do Biodiesel preparam um ofício ao governo federal pedindo uma reunião para tratar das sucessivas reduções do percentual obrigatório da mistura de biodiesel no óleo diesel.

As mudanças vêm sendo anunciadas desde maio pelo Conselho Nacional de Política Energética, cujo presidente é Bento Albuquerque (Minas e Energia). A intenção é conter o preço do diesel diante da alta nos custos do óleo de soja, usado na produção do biodiesel.

Para os deputados e senadores ligados ao setor de biocombustíveis e que integram a frente, o governo não deve tratar do tema a portas fechadas. Eles querem que o debate seja feito em comissões do Congresso.

Na avaliação do grupo, no modelo atual, a discussão não tem a transparência que merece e acaba sujeita a pressões externas, interessadas em manter o fluxo de reduções na porcentagem.

Em novembro e dezembro, a taxa de biodiesel na mistura deverá ser de 10%. Atualmente, o valor em exercício é de 12%, mas o valor legal seria de 13%.

Fonte
BiodieselBR
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
Fechar