Comunicado Minaspetro sobre a falta de diesel

A Diretoria do Minaspetro se reuniu com representantes das principais companhias distribuidoras do Brasil e recebeu um status atualizado sobre o fornecimento de combustíveis em Minas Gerais, sobretudo do diesel.

O Sindicato foi informado que a Petrobras está com o fornecimento atual de 80% da demanda e que a situação com relação ao diesel deve se agravar ainda mais no mês de abril. Os 20% restantes para atender a demanda interna deveriam ser supridos por combustível importado, contudo, devido à atual crise global, as empresas importadoras não estão trazendo o produto do exterior.

Segundo os representantes das companhias, com o atual valor do preço do petróleo e câmbio, a compra de um navio gera um prejuízo de mais de R$ 100 milhões. As companhias relataram, inclusive, que estão tendo dificuldades para atender suas redes contratadas.

Portanto, diante da situação, o Minaspetro faz o alerta para que os revendedores, principalmente os de Marca Própria, mantenham os estoques do diesel dentro da margem de segurança e sigam em contato direto com as distribuidoras, para que os impactos da crise sejam minimizados no mês que vem.

Fonte
FeCombustíveis
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
Fechar